Voltar
Radar da inovação

Cooped: migração das aulas presenciais para ambiente virtual

Cooperativa de educação de Rondônia manteve programação do ano letivo devido a iniciativa prévia à pandemia de aproximar pais de alunos do dia a dia da escola

28/09/2020
Nome da Cooperativa:Cooperativa De Profissionais Em Educação De Jaru
Ramo:Trabalho Produção de Bens e Serviços
Região:Norte
Palavras-chave:Inovação de processo
Resumo:

RESUMO CARD

A Cooperativa de Profissionais em Educação de Jaru (COOPED), de Rondônia, de Ensino Fundamental e Médio, vinha, desde 2019, desenvolvendo formas de aproximar as famílias dos alunos do dia a dia da escola. Por isso, quando foi declarada a necessidade de isolamento social a cooperativa teve facilidade para substituir as aulas presenciais pelas virtuais com uso de uma plataforma própria do sistema de ensino adotado pela instituição.

CONTEXTO

Desde 2019, a Cooperativa de Profissionais em Educação de Jaru (COOPED), de Rondônia, tem aplicado um método para estimular a aproximação entre famílias e docentes. A estratégia se baseia na criação de grupos de WhatsApp que reúnem pais, professores e coordenadores pedagógicos.

A partir da declaração de pandemia por Covid-19 a iniciativa ganhou força e foi o que permitiu à cooperativa educacional manter suas atividades e proporcionar a continuidade das atividades de ensino para os alunos. Além de manter a transparência no tratamento com os responsáveis pelos alunos.

O sucesso da iniciativa também está ligado à associação da Cooped com o Sistema Positivo de Ensino, que orientou e prestou o suporte necessário à adoção da metodologia de ensino a distância, a chamada EAD.

DESAFIOS

Dentre os desafios que tiveram de ser contornados para que fosse possível dar continuidade à programação de ensino prevista no início do ano letivo estava o pleno acompanhamento dos alunos por parte do corpo docente da cooperativa educacional. Além disso, era preciso garantir também o suporte aos discentes na utilização das plataformas que foram adotadas pela instituição de ensino, incluindo o WhatsApp.

O endereçamento de tal desafio exigiu o envolvimento de toda a direção e também dos coordenadores pedagógicos da escola de Rondônia. Estes profissionais fazem o monitoramento contínuo com foco em verificar a capacidade de os alunos acompanharem as atividades propostas. Da mesma maneira, fornecem feedbacks diários aos pais dos alunos. A intenção é proporcionar transparência no acompanhamento do desenvolvimento pedagógico de seus filhos no ambiente virtual de ensino.

DESENVOLVIMENTO

A preocupação da direção da Cooped sempre foi a de manter a máxima proximidade tanto com os alunos quanto com suas respectivas famílias. Foi por isso que, no ano de 2019, a instituição de ensino adotou a criação de grupos de WhatsApp como forma de inclusão dos pais na formação de seus filhos. Desses grupos participam, além dos pais de alunos, professores, coordenadores pedagógicos e também a direção da cooperativa.

Assim, quando a pandemia chegou ao Brasil e exigiu a prática do isolamento social, a Cooped estava quase totalmente preparada para enfrentar os desafios do Ensino a Distância. Foi necessário apenas o suporte do Sistema Positivo de Ensino - metodologia pedagógica adotada pela cooperativa educacional há 16 anos. O Sistema Positivo, então, orientou a instituição a adotar utilizar o EAD (Ensino a Distância).

A plataforma virtual do Sistema Positivo permite, portanto, que as aulas aconteçam diariamente e que os respectivos conteúdos possam ser acompanhados por meio dos materiais didáticos tanto físicos quanto virtuais. Na prática, o corpo docente da Cooped disponibiliza atividades por meio da plataforma e realiza as chamadas “lives” que têm como finalidade a revisão de conteúdo e esclarecimento de eventuais dúvidas que os estudantes possam ter.

Por meio da mesma plataforma os professores disponibilizam avaliações, com data e horário de início e fim para que os alunos atestem que acompanharam as web-aulas e absorveram o conhecimento.

Com esta iniciativa, a Cooped conseguiu evitar que os estudantes fossem prejudicados. A substituição do ambiente de ensino foi respaldada por um decreto do governo do estado de Rondônia que regulamentou a modalidade a distância durante o período de isolamento social. Dessa maneira, o ano letivo da Cooped não parou, apenas saiu do espaço físico da cooperativa para o ambiente virtual da mesma.

RESULTADOS

Dentre os resultados obtidos a partir da adoção da metodologia do ensino a distância pela Cooped é possível citar a manutenção da programação do ano letivo, o que resguardou os alunos de prejuízos mais significativos decorrentes da necessidade de isolamento social.

Além disso, a aproximação entre pais e a direção da escola é benéfica para que estes tenham maior consciência sobre o desempenho de seus filhos ao longo do desenvolvimento escolar.

Por fim, o envolvimento da coordenação e da direção nas atividades de ensino cria um ambiente propício ao desenvolvimento contínuo da metodologia e, consequentemente, dos alunos.

PRÓXIMAS INICIATIVAS

Desde então, o intuito sempre foi aproximar cada vez mais o contato entre as famílias dos alunos, professores, coordenação e a direção da Cooped. Tanto é que isso viabilizou a rápida adaptação da cooperativa quando foi declarada a pandemia. Assim, o natural é que a aproximação entre as partes seja cada vez mais intensificada mesmo após o período de isolamento social fortalecendo a relação entre escola e famílias.

Contato do responsável:

Fabricio Pacheco

Diretor-Presidente da Cooped

drpachecojr@hotmail.com

(69) 3521-2367

Conteúdo desenvolvido
em parceria com

Coonecta