Voltar
Radar da inovação

Uniodonto Campinas implanta teleorientação odontológica

Iniciativa contribui para o isolamento social e atende cerca de 430 chamadas por mês


09/07/2020
Nome da Cooperativa:Uniodonto Campinas
Ramo:Saúde
Região:Sudeste
Palavras-chave:Inovação de produto, Inovação de serviço
Resumo:

RESUMO CARD

Diante da pandemia da Covid-19 em 2020 e da consequente necessidade de isolamento social, foi criado um canal de comunicação entre a cooperativa e os seus beneficiários. A teleorientação tem como objetivo informar os pacientes sobre tratamentos eletivos, de urgência e rede de atendimento.


CONTEXTO

A partir das determinações do Governo Federal, os conselhos de cada especialidade médica elaboraram orientações aos profissionais de saúde para enfrentamento da pandemia de Covid-19.

O Conselho Federal de Odontologia (CFO) recomendou que os profissionais só atendessem casos de urgências, e a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) reforçou a medida suspendendo tratamentos eletivos.

Dessa forma, a Uniodonto Campinas se viu obrigada a suspender milhares de atendimentos e a encontrar uma solução para atender tanto às recomendações de saúde quanto ao direito dos beneficiários ao atendimento.


DESAFIOS

O principal desafio era equilibrar o direito do beneficiário ao atendimento e o do cooperado (dentista) de evitar exposição ao novo coronavírus. Qualquer que fosse a solução tinha que ser tomada rapidamente, e dentro das normas, uma vez que o próprio CFO ainda não havia se posicionado sobre o tema.

Era preciso entender as opções autorizadas de atendimento on-line e definir quais seriam medidas seriam tomadas.

Vale destacar que o teleatendimento ainda é um tema bastante discutido no setor da saúde. Vários normativos, leis e resoluções de conselhos profissionais têm versado sobre essa temática. Uma das principais discussões, por exemplo, está na preocupação com a responsabilidade por eventuais erros cometidos pelos profissionais. Mas, enquanto durar a pandemia de Covid-19, os profissionais de saúde brasileiros têm autorização para atender neste formato, tanto em atendimento realizado pelo SUS, quanto no atendimento suplementar.


Saiba mais sobre o tema no e-book do Sistema OCB “Telessaúde: saiba como fazer”.


DESENVOLVIMENTO

Seguindo todas as normas, a Uniodonto Campinas acabou optando pela teleorientação odontológica, na qual foram disponibilizados dois canais de atendimento (telefone e WhatsApp) todos os dias da semana, das 8h às 18h, para orientações e esclarecimentos.

Ao entrar em contato, o beneficiário pode:

  • Receber orientações da equipe de dentistas.
  • Obter informações sobre tratamentos e exames eletivos.
  • Esclarecer dúvidas sobre procedimentos de urgência.
  • Ser encaminhado para a rede credenciada ou plantão 24h.

Para criar esse processo, a cooperativa se organizou para deixar, diariamente, 25 dentistas disponíveis para realizar os atendimentos. O objetivo era fazer uma triagem dos casos urgentes e eletivos.

Dependendo da urgência, o paciente era encaminhado para o plantão mais próximo. Mas, em geral, a maioria dos casos não demandava urgência e a simples orientação eliminou o contato presencial, contribuindo para o isolamento durante a pandemia.

Vale lembrar que receitas e atestados não podem ser enviados em teleorientação.


RESULTADOS

Segundo a cooperativa, os 25 plantonistas recebem, em média, 430 ligações por mês, entre chamadas de telefone e mensagens de WhatsApp.

A maior procura são de pessoas do sexo feminino (60%) e em sua maioria da cidade de Campinas (46%). Até o momento, foram recebidas ligações de outras 18 cidades ao redor de Campinas.

As cinco principais queixas são:

  • Dor: 38%
  • Queda de restaurações: 15%
  • Fratura dental: 10%
  • Queda de provisórios: 8%
  • Doença gengival: 5%

A cooperativa e os cooperados avaliam a teleorientação de forma positiva, principalmente por evitar deslocamento desnecessários - prova disso é que, de 26 de março ao final de abril, não foram realizados atendimentos de consultório. Além disso, a sensação de ser útil, de poder ajudar no momento mais crítico da história recente, fez com que o profissional se sentisse valorizado, humanizando o atendimento.


PRÓXIMAS INICIATIVAS

Enquanto durar a pandemia, a teleorientação seguirá ativa. Como o resultado tem sido positivo, a cooperativa pretende, após a pandemia, utilizar a ferramenta como uma teleducação, orientando acerca de temas relevantes à saúde bucal e promovendo saúde de forma geral. Uma das possibilidades é abordar um tema específico por mês.

Contato do responsável:

Wilson Pinke

Coordenador da Equipe de Plantonistas da Uniodonto Campinas

wpinke@uniodontocampinas.com.br

Conteúdo desenvolvido
em parceria com

Coonecta